domingo, 27 de março de 2011

Não solta a minha mão.

Eu sei que muitas vezes é díficil assumir mais do que se pode. Mas por favor, não solta minha mão agora. Hoje então, fica aqui. Amanhã eu te deixo ir embora. Mas não, por favor, não vai agora. Eu gosto de não precisar, mas eu preciso de você. Muitas vezes e eu não consigo entender o porquê. Por favor, não solta a minha mão. Não agora. Não essa hora. Não solta a minha mão. Não diz que tem que ir embora. Eu nunca estive esperando que fosse sincero, mas eu não quero que isso mude agora. E se eu tiver que pedir, mais uma vez, ou pela última vez, eu pediria que não soltasse a minha mão.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigada por reservar uns minutinhos para ler meu blog. Fico agradecida! =) E obrigada por comentar!!
Ass: Julia Siqueira